LAURA BELÉM

LAURA BELÉM

O livro retrata os trabalhos de Laura Belém. Suas intervenções e instalações surpreendem, nos transferem para o invisível, para o que não precisa ser dito, mas imaginado. 

A publicação nos leva a perceber o percurso que a artista traça. As descrições das cenas ou obras não explicitam seu objetivo, deixando o leitor livre para conclusões e imaginações. A identidade cultural está arraigada à sua obra, seja pelo uso do material, pela tonalidade escolhida ou o ambiente proposto. 

Em princípio, nada é óbvio, há uma não conclusão, como se só importasse a sensação. O espectador entra em cena, tornando-se parte da proposta, esquecendo-se do mundo externo e invadindo o interno. O espaço se torna experiência, relembra a infância, o passado, divaga sobre luzes que “conversam” entre si, sobre a arquitetura e a sua relação com a cidade. 

Em um dos seus trabalhos, inúmeras pipas coloridas nos transportam para o passado e estimulam os sentidos através de uma sintonia de luzes. Há afeto, há espaço, há imaginação. 

A artista se utiliza de histórias e lendas, como a de uma ilha que possuía 1.000 sinos e desapareceu afundada, restando o imaginar do seu vestígio e silêncio. 

 

O onírico toma conta da sua obra e nos resta continuar e vivenciar.

AUTORA: LAURA BELÉM

EDITORA COSAC NAIFY, 2103

Helena Rios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *